Seminario Foto Antiga

" E orgulho tem de nascer assim
Podem rufar tambores, arrais e viras
É de lá que sou... foi de lá que vim."

Nelson Vilela, nasceu, em 1933, na aldeia transmontana que marcou e acolheu Camilo Castelo Branco - Vilarinho da Samardã - sendo o oitavo filho de uma família numerosa (14 irmãos), tudo gente com lugar de destaque na vida ....
Cursou Teologia no Seminário de Vila Real.
Aos 18 anos publicou o seu primeiro livro de poesia "Saudade", com autorização do Bispo D. António Valente da Fonseca que por ele nutria muito carinho e o encorajamento do nosso querido Ângelo do Carmo Minhava.
Nunca exerceu actividade eclesiástica, pois pediu e obteve dispensa desse múnus e dedicou-se ao Ensino, após se ter licenciado em Filologia pela Universidade do Porto.
Leccionou em Mondim de Basto, Nova Lisboa, Évora, Alcácer do Sal, Chaves e Braga.

Pertence à Associação dos Autores de Braga e já fez parte da Direcção.
Entre as sua obras saliento: Saudade, Asas de Espuma, Mar e Sombra, Inquietação, Pedaços do mesmo sonho, Regresso, Sempre em Caminho, Livro de Carla, O Sal e as Lágrimas
É um consagrado poeta e prosador que só por ingratidão ou ignorância das nossas editoras não tem a sua obra divulgada à medida da respectiva amplitude e importância cultural.