Seminario Foto Antiga


Mário Augusto do Quinteiro Vilela nasceu em Vilarinho de Samardã do concelho de Vila Real no dia 2 de Janeiro de 1934 é hoje um dos maiores linguistas portugueses.
Ingressou no Seminário de Vila Real no ano de 1945 e viria a concluir o curso em 1957
Licenciou-se em Filologia Românica, entre 1963 e 1969, pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, passando a exercer a docência na Faculdade de Letras da Universidade do Porto desde 1970
Fez o seu doutoramento na Universidade de Tübingen, na Alemanha, em 1978, em que obteve a máxima classificação com a dissertação "Lexikaliche Semantic - Wortfeltheorie. Theorie und Anwendung auf dem Portuguiesiechen" (= Léxico da simpatia)
Fez Provas de Agregação na Universidade do Porto em 1981, data a partir da qual passou a ser professor Catedrático , tendo-se jubilado em Janeiro de 2004.
Foi director e coordenador do Centro de Linguística da Universidade do Porto, sendo conselheiro científico de várias revistas e membro de diversas associações científicas internacionais, nomeadamente a Societé de Linguistique et Philologie Romane, a Associação Portuguesa de Linguística e a Associação Portuguesa de Tradutores.
Enquanto docente na Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Mário Vilela foi, inúmeras vezes , convidado a leccionar em vários cursos de licenciatura, mestrado e doutoramento desenvolvidos em universidades portuguesas (Universidades de Lisboa, de Évora, de Trás-os-Montes e Alto Douro, dos Açores, da Madeira, Universidade Católica) e estrangeiras (na Alemanha, em Espanha, no Brasil, em Moçambique e em Macau).
Obra Publicada

A sua vasta e preciosa obra bibliográfica atesta um perfil científico muito polifacetado, versando áreas como a linguística românica, a linguística portuguesa, a lexicologia e a lexicografia, as terminologias, a linguística geral e, mais recentemente, a linguística cognitiva.
Mas foi sobretudo na aplicação do modelo da Gramática de Valências à língua portuguesa que o nome de Mário Vilela se tornou verdadeiramente incontornável e fundamental enquanto alternativa teórica à gramática generativa.
Destacamos

"Clérigo e Leigo: Estudo Semasiológico e Onomasiológico" (Poitiers, 1977)
- "Alma Nacional: Revista republicana", linguagem e ideologia (Porto: Livraria Civilização,1977)
- " Léxico da Simpatia" (Lisboa: INIC, 1978)
- "Estruturas Léxicas do Português" (Coimbra: Almedina, 1979)
Problemas da Lexicologia e Lexicografia (Porto: Liv. Civilização, 1979)
Gramática de Valências Teoria e Aplicação ao Português" (Coimbra Almedina, 1980)
La Formation des Mots (Porto : Brasília : Assoc. Estud. Fac. Letras da U.P., 1980)
O Léxico da Simpatia : Estudos sobre o Campo Lexical da Determinação Substantiva de Simpatia Humana e Social, 1850-1900, e o Respectivo Contexto Cultural : Tese de Doutoramento (Porto: Instituto Nacional de Investigação Científica, 1980)A "Ilustração" na Teoria da Linguagem do Cardeal Saraiva (Lisboa: Centro de Linguística da Universidade, 1982)
A Norma "Puritista" no Século XVIII, com Base num Exemplo (Porto: Of. Gráf. Livr. Reunidos, 1982)
"Dicionário Básico do Português" (Porto: ASA, 1983)
A Antonímia como Relação Semântica Lexical (Coimbra: Imp. de Coimbra, 1983)
Definição nos Dicionários de Português (Porto: Asa, 1983
Contribuição para o Estudo das Solidariedades Lexicais (Lisboa: Centro de Linguística da Universidade, 1984)
Gramática de Valências (Winfried Busse, Mário Vilela, Coimbra: Almedina, 1986)
O Dicionário do Século XX em Comparação com os Dicionários até agora Existentes (Lisboa: Inst. de Cultura e Língua Portuguesa, 1987)
"Estudos de Lexicologia" (Porto: Civilização, 1989)
Dicionário do Português Básico (Coordenador: Mário Vilela; Co-autores: Isabel Margarida Duarte, Manuel Maria, Olinda Santana e Olívia Figueiredo (Porto: Asa, 1990)
Estudos de Lexicologia do Português" (Coimbra: Almedina, 1990)
Gramática de Valências: Teoria e Aplicação (Coimbra: Almedina, 1992)
Gramática de valências 7 estudos de Sintaxe do Português (Coimbra Almedina, 1992) Tradução e Análise Contrastiva: Teoria e Aplicação, Lisboa: Caminho, 1994
Tradução e Análise Contrastiva : Teoria e Aplicação (Lisboa: Caminho 1994)
Estudos de Lexicologia do Português (Coimbra : Almedina, 1994)
Ensino da Língua Portuguesa: Léxico, Dicionário, Gramática (Coimbra: Liv. Almedina, 1995)
Gramática da Língua Portuguesa: gramática da palavra, gramática da frase e gramática do texto/discurso" (Coimbra: Almedina, 1998) (1ª ed. 1995)
Léxico e Gramática" (Coimbra: Almedina, 1996)
Gramática da Língua Portuguesa, 1999, Coimbra: Almedina;
Gramática do Texto-Discurso (Mário Vilela; Ingedore Grunfeld Villaça Koch, co-autor; Lisboa: Almedina, 2001)
Metáforas do Nosso Tempo (Coimbra: Almedina, 2002)
Organização de Congressos:
Além de colaborar em todos os Congressos realizados no Porto (na área de Linguística), em Braga, em Vigo e em Vila Real, organizou pessoalmente, no Porto (1998), o "1º Congresso Internacional de Linguística Cognitiva.
Bolsas
Bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian (durante a Licenciatura em Coimbra).
Bolseiro do Instituto de Alta Cultura (1970-1978).
Bolseiro da Humboldt Gesellschaft (1978-1982)
.Bolseiro do DAAD (Alemanha: 1985 [para trabalhar em Mannheim: IDS (= Institut für Deutsche Sprache). Bolseiro da NATO: um mês em 1988 para trabalhar em Copenhaga com alunos afásicos.
Bolseiro do Governo Francês: partcipação em Projectos de Investigação (conjuntos).

Docência Universitária:
Na Faculdade de Letras da Universidade do Porto:
a) Assistente (1970-75). Lecciona: Introdução aos Estudos Linguísticos, Linguística
Portuguesa e Linguística Românica
b) Professor Auxiliar (1978-1979): Lecciona: Fonética e Morfologia do Português
c) Professor Associado (1979-1981): Lecciona: Linguística Portuguesa II
d) Professor Catedrático (1981- ----): Lecciona: Linguística Portuguesa II,
Análise Contrastiva (Ramo da Tradução). Coordena: Mestrado Linguística Portuguesa Descritiva desde 1987. Lecciona nesse Mestrado: Estruturas frásicas do Português.
B: Outras Universidades:
Professor Convidado
Alemanha
- Freie Universität Berlin (2 meses em 1984);
- Köln (um mês em 1990).
Brasil:
- Universidade Federal da Paraíba (três meses: 1982): Curso de Doutoramento.
- Universidade Federal da Baía (um mês: 1989).
- Universidade Federal do Ceará: três meses (1996).
- Universidade Regional da URCA (Ceará).
Espanha:
- Santiago de Compostela (1996).
- Vigo (1998).
- Corunha (desde 1999).
- Universidade Clássica de Lisboa: Cursos de Mestrado.
- Universidade de Évora (Curso de Licenciatura).
- Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD):
Cursos de Mestrado e Coordenação de Cursos de Licenciatura Universidade Católica: Cursos de Mestrado.
- Universidade dos Açores: Curso de Licenciatura.
- Universidade de Macau: Cursos de Mestrado.

Coordenação e Organização de Mestrados no estrangeiro:
Mestrado de Linguística Portuguesa (Maputo, Moçambique) (em Curso)

Associações Científicas Internacionais de que faz parte:
- Société de Linguistique et Philologie Romane;
- Associação Portuguesa de Linguística;
- Lusitanistas Alemães;
- Lusitanistas Norte-Americanos (APSA: Wisconsin, Madison);
- Associação Portuguesa de Tradutores.
Participação em Júris:
Universidades Portuguesas:
Desde 1980 que participou em júris em todas as Universidades Portuguesa (Mestrado, Doutoramento, Agregação e Concursos para provimento de Professores Associados e catedráticos).
Universidades estrangeiras:
Espanha:
- Santiago de Compostela (Doutoramentos);
- Corunha (Doutoramentos);
- Vigo (Doutoramentos);
Brasil:
- Universidades Federais de Penambuco (Doutoramento),
- Ceará (Doutoramento e Concursos para Prof. Titular).
Conselheiro Científico de Revistas:
- Verba (Santiago de Compostela),
- Revista de Filoloxia (Corunha),
- DELTA (São Paulo),
- Romanische Philologie (Tübingen: Alemanha),
- Revista da Faculdade de Letras (Porto),
- Humanidades (Braga: Univ. Católica)
- Letras Humanas (UTAD: Vila Real)
Colaboração em Revistas (em que colaborou ou que colabora ainda):
- Cahiers de Lexicologie (Besançon: França),
- Verba (Santiago de Compostela),
- Revista de Filoloxia (Corunha: Espanha),
- Revista Portuguesa de Filologia (Coimbra),
- Biblos (Coimbra),
- Boletim de Filologia (Lisboa),
- DELTA (São Paulo),
- Diacrítica (Braga),
- Revista da Faculdade de Letras (Porto),
- Bulletin de la Société de Philogie Romane (Estrasburgo),
- Bulletin de l'Union Latine. (Paris)
- Lusorama (Frankfurt).
Cargos científicos que desempenhou e/ou desempenha (ainda):
- Membro da "Comissão Nacional de Língua Portuguesa" (enquanto existiu)
- Director do Centro de Linguística da Universidade do Porto
- Coordenador da Unidade de Investigação do CLUP (inclui 24 investigadores)
- Delegado Nacional e/ou da Universidade do Porto em várias "missões" (com problemáticas relativas à língua) em Bruxelas / Luxemburgo
- Membro do Conselho Científico da Faculdade de Letras da U.P. (desde 1979)
Responsável científico de Dissertações de Mestrado / Doutoramento
nas seguintes Faculdades de Portugal:
- Clássica de Lisboa,
- Coimbra,
- U. do Minho,
- UTAD,
- Católica (Braga)
nas seguintes Universidades estrangeiras:
Brasil: Federal do Ceará, Federal da Paraíba, Federal de Pernambuco
Espanha: Vigo e Corunha
Hungria: Budapeste
China: Macau
Moçambique: Universidade Pedagógica
Prémios Cientificos
Prémio "Ciência" da Gulbenkian (1982).