Seminario Foto Antiga

Versão para impressão PDF

Nasceu em Sezelhe,concelho de Montalegre em 5 de Abril de 1944.eaps a instruo primria, ingressou no seminrio de Vila Real, em Outubro de 1956, por vontade e desejo dos Pais que desejavam prepar-lo para a vida , caso no viesse a ter apetncia para a vida eclesistica.
No Seminrio de Vila Real e a a partir da adolescncia comeou a interessar-se pelos grandes nomes da literatura romntica e romanstica , evidenciando dotes de escrita.
No se sentindo vocacionado para a vida eclesistica , abandonou o Seminrio em 1965 , aps a concluso do curso de Filosofia.
Como as colnias portuguesas se encontravam, data, em sublevao, pela Independncia foi logo em Janeiro do ano seguinte chamado para cumprimento do servio militar.
Incorporado na Escola Prtica de Infantaria, em Mafra, a 11 de Janeiro de 1996, cumpriu o servio militar na cidade de Vila Real, cidade onde vivera desde os doze anos .
Terminado o servio militar obrigatrio, ingressou, 16 de Novembro de 1970, como tenente, na Guarda Nacional Republicana
Comandou a Seco da GNR de Miranda do Douro de 20 de Janeiro de 1971 a 11 de Maro de 1973., data em que seria obrigado a interromper para frequentar o curso de Capites para servir no Ultramar
Partiu para a Guin. em 4 de Maio de 1974.j como Capito, onde lhe foi confiado o Comando da 3.a Companhia do Batalho de Artilharia n. 6523/73.
Regressado da Guin em finais de 1974 foi reintegrado na GNR, em 4 de Dezembro de 1974.
Comandou a Companhia de Santa Brbara, a de Bragana desde 4 de Abril de 1975 a 31 de Maro de 1979,
Comandou a Companhia de Vila Real de 1 de Abril de 1979 a 30 de Junho de 1992, a ele se devendo a recuperao do degrado Convento de S Francisco nas instalaes modelares e funcionais que desde h vrios anos a FNR de Vila Real tem
No ano lectivo de 1987/88 frequentou no Instituto de Altos Estudos Militares o Curso para Oficiais Superior, sendo Promovido a Major em 1 de Julho de 1988 e a Tenente Coronel a 1 de Julho de 1992.
Como Tenente Coronel chefiou, durante um ano, a Seco de Operaes. Informaes e Instruo da Brigada Territorial n. 2 em Lisboa e comandou durante pouco mais de um ano o Agrupamento de Bela Vista no Porto:
Instalou o Agrupamento de Penafiel que Comandou at 4 de Fevereiro de 1996, data a partir da qual passou a exercer as funes de Segundo Comandante da Brigada Territorial n. 4 da Guarda Nacional Republicana. no Porto.
Promovido a Coronel, antes de passar Reserva, hoje o Responsvel pela Cruz Vermelha de Vila Real
A sua vida e carreira militar est cheia de condecoraes e louvores e na sua vida social sempre cultivou amizades e dispensou tempo ao bem comum, tendo sido um dos scios fundadores do LIONS CLUBE DE Vila Real de que foi Presidente em trs mandatos, sendo ainda durante dois mandatos presidente do Distrito Lyon 115
Foi ainda scio fundador da Casa do Concelho de Montalegre, em Lisboa e da Associao de Antigos Alunos do Seminrio de Vila Real de que foi presidente vrios anos
Fez parte da primeira Direco do Nucleo de Vila Real da Associao Portuguesa de Paralesia Cerebral
Em 1992, foi lhe concedida a medalha de prata do Municpio, pela Cmara Municipal de Montalegre.
Desde jovem que tinha o gosto pelo Conto dai que no campo literrio tenha colaborado em vrios jornais regionais, com muitos contos publicados
Ganhou o primeiro prmio nos Jogos Florais de Chaves em 1970 em Reportagem Regionalista, com o trabalho "A CHEGA" e o 2. prmio nos Jogos Florais de Chaves, em 1971 em Estudo com o trabalho "Miranda Cidade histrica".
Tem um estudo sobre a Cabra Selvagem do Gerez e outro sobre Os Foragidos Espanhis da Guerra Civil em Trs os Montes que mereceu.
Publicou
POLYMYXOS uma colectnea com cinco temas e
O CABANEIRO